Sem definição, o governo fara uma enquete sobre o fim do horário de verão.

De acordo com os estudos do  Ministério de Minas  e Energia, a adoção do horário de verão na época mais quente do ano e não resulta mais na economia do Brasil, já que muitas pessoas hoje optam pelo uso do Ar condicionado. Como o calor mais intenso é no final da manha e no início da tarde, os picos de consumo é registrado atualmente nesse período, de acordo com dados do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), o horário de ponta ocorre entre 14h e 15h, e não mais entre 17h e 20h.

Como o tema gerou grande repercussão  nas redes sócias, a equipe do Palácio do Planalto  decidiu lançar na próxima semana um enquete para que a população possa ajudar a definir a decisão do presidente.

O programa foi instituído uma vez no Brasil em 1931/1932 e vem sendo adotado  continuamente desde 1985.

E você é a favor ou não do termino do horário de verão?.

Fonte: https://goo.gl/n5EYSk

Último
Razões para investir em imóveis de luxo
setembro 15, 2017

Diversificar os investimentos é sempre uma boa ideia, além dos benefícios financeiros, da aquisição de um imóvel de alto padrão significa uma elevação do estilo de vida de uma família, uma vez que essas moradias são construídas com o objetivo de dar conforto, praticidade e segurança para os moradores.

Dados do primeiro trimestre de 2017 levantados confirmam o potencial de valorização em imóveis de luxo.

Conheça cinco razões para investir em um imóvel de luxo.

1. Infraestrutura de Ponta

Características como um apartamento por andar, elevadores privativos, personalização da planta, sustentabilidade, piscinas, áreas para a família e amigos e privacidade são algumas das características dos apartamentos de luxo, além dos sistemas de segurança com biometria que garantem o bem-estar dos proprietários e visitantes.

2. Qualidade

A Laguna dedica boa parte dos investimentos em tecnologia para os projetos das fachadas dos empreendimentos e itens de conforto como esquadrias de alto desempenho. Os imóveis de luxo da construtora não economizam nesse quesito e conta com fornecedores de primeira linha que justificam o investimento realizado. Os materiais apresentam alta durabilidade e qualidade, reduzindo os custos com manutenção ou reforma. Muitas vezes os proprietários não terão grandes preocupações por décadas.

3. Valorização

A valorização de um imóvel de luxo é imediata. Óbvio que fatores como localização, infraestrutura, oferta e procura, entre outros, influenciam. Assim como as características e a qualidade dos materiais utilizados no empreendimento. Imóveis de luxo privilegiam espaço e privacidade, valorizando consideravelmente o metro quadrado.

Têm ainda como diferenciais a privacidade e o conforto, com áreas de descanso e ambientes amplos. Itens como suíte master com banheira, cuba dupla e área social espaçosa são pré-requisitos nessas residências.

4. Facilidades

Optar por um imóvel de luxo é escolher comodidade e qualidade de vida. Lembre-se que um apartamento de luxo é pensado para atender às necessidades de pessoas exigentes. Seja para quem trabalha muito ou tem pouco tempo para frequentar academias e clubes, ou para quem simplesmente quer conforto no “pátio de casa”, empreendimentos de luxo oferecem a possibilidade de desfrutar de uma estrutura completa perto de casa.

Um condomínio com apartamentos de luxo oferece espaços como piscina com raia coberta e aquecida, quadras esportivas, academia, estúdio de pilates, sala de massagem, salão de festas, espaço gourmet, área para as crianças e também para os pets.

5. Sustentabilidade

Uma das exigências de quem investe ou compra um imóvel de luxo é a sustentabilidade do empreendimento.

Captação de água de chuvas, placas solares, estações para bicicletas e carros elétricos e depósito para lixo reciclável viraram pré-requisito para os clientes.

Como você viu, um apartamento de alto padrão se mostra extremamente vantajoso, trazendo conforto e rentabilidade para seu proprietário.

Veja mais: http://www.segs.com.br/economia/81913-5-razoes-para-investir-em-imoveis-de-luxo.html

Por: jamaica
0
Imóveis compactos invade a capital Curitibana.
setembro 1, 2017

Com o crescimento desenfreado da urbanização dos grandes centros, o conceito e moradia precisou se adaptar, os imóveis compactos é a grande tendência nas grandes metrópoles.

Aos poucos Curitiba esta recebendo vários empreendimentos que buscar adequar espaços a qualidade de vida.  Quem investe em imóveis com 25m²  os apartamentos refletem um momento especifico  do clientes, e o preço mais baixo ajuda também na decisão, pois  é mais fácil morar próximo de seu trabalho ou onde estuda, do que investir em um apartamento de 3 dormitórios e enfrentar o transito do dia, pois a qualidade de vida não pode ser associada apenas no espaço no qual vive.

Já os compradores são de perfis variáveis, como estudantes, solteiros, divorciados e investidores, apartamentos novos e amplos são cada vez mais difíceis de encontrar, moradias menores tendem a criar uma maior densidade urbana, possibilitando que pessoas vivam mais próximas das outras e de seus trabalhos.

“Isso torna muito mais fácil caminhar, usar transporte público ou bicicleta como o meio de transporte. E espaços pequenos costumam ser mais baratos para comprar, alugar e manter, resultando em maior liberdade financeira. Muitas vezes você pode mudar de bairro, viver exatamente onde quiser, graças aos custos mais baixos”. Outro ponto positivo é o cuidado com imóvel é mais fácil de limpar e você não precisa passar o final de semana varrendo casa.

Olhamos para a planta e decidimos qual a melhor configuração de espaço para atender os objetivos planejados. Contamos muito com móveis e equipamentos embutidos para fazer um espaço pequeno ganhar o máximo de funcionalidade.

Fonte: G1.com

0
Renegociação de financiamentos imobiliários atrasados.
julho 31, 2017

Para a grande maioria dos brasileiros, o sonho de comprar a casa própria só é possível através do financiamento imobiliário, pago em prestações por ininterruptos longos anos. Durante este período muita coisa pode acontecer e você não conseguir arcar com o pagamento das prestações.

É importante renegociar a divida para não perder o imóvel, a partir do momento que sinta dificuldades a pagar as parcelas. Quando um imóvel vai para leilão, o comprar pode ficar com nome incluso no cadastro de inadimplentes por 05 anos e caso o imóvel seja MCMV pode perder o direito do uso do beneficio futuramente.

Algumas opções abaixo poderá ajudar quem  esta inadimplente  com o financiamento de sua casa própria:

- Procure o banco para renegociação das parcelas, eles podem aumentar as chances de renegociação;

- Peça uma pausa no pagamento, a cada 12(doze) meses, é possível solicitar um intervalo de 01 (um) mês para próximo pagamento, o valor da parcela paga poderá ser divida entre as outras prestações seguintes, você também poderá renegociar o prazo de financiamento sem aumentar as taxas de juros, assim os valores das parcelas diminuem, mas o limite das parcelas não poderá ultrapassar a 80 anos do mutuário.

Mude de banco, Lei de Portabilidade de Crédito Imobiliário, de 2014. Você pode transferir seu saldo devedor para outra instituição com taxas menores, sem aumentar o prazo ou modificar o valor financiado. Antes, faça uma simulação no banco de destino, pois com os custos de cartório, a portabilidade pode não ser vantajosa.

Em ultimo caso faça a transferência de financiamento, você poderá transferir o financiamento de seu imóvel para outra pessoa e receber um parte em dinheiro, porem a transferência devera ser autorizada pelo banco.


 

 

Fonte: http://zh.clicrbs.com.br

0
12345 Último
Siga a Jamaica Imóveis nas Redes Sociais

«setembro de 2017»
segterquaquisexsábdom
28293031123
45678910
11121314151617
18192021222324
2526272829301
2345678
paykasa
steroid fiyatlari