05 dicas de decoração para sua casa.

Dizem que o ano do brasileiro só começa depois do carnaval, por isso aqui estão algumas dicas para revitalizar sua casa ou  apartamento e “começar” o ano de “casa nova”.


01. Tijolinhos

Os fãs desse revestimento podem comemorar, pois este ano ele continua sendo tendência na decoração. Um de seus pontos fortes é ser um ótimo aliado em espaços industriais e ainda trazer a sensação de aconchego ao ambiente. Outro ponto interessante é que eles deixam o lar com uma cara mais rústica.


02. Paredes de cortiça

A sustentabilidade está cada vez mais em alta nas tendências do décor. Além de naturais, as paredes de cortiça são práticas, adicionando cor e textura aos ambientes, enquanto permitem diversas composições e colaboram para o isolamento sonoro.


03. Verde

A cor verde foi eleita à cor do ano de 2017 (Já falamos sobre ela em outro post do blog). Ele tem aparecido com mais frequência nas passarelas e nos projetos de estúdios de design, dominando as paredes, os móveis e os acessórios em suas muitas nuancem.


04. Mesas de mármore

Uma ótima combinação de luxo e glamour, mesas de mármore sempre foram uma boa opção e esse ano veio para ficar – sejam grandes e chamativas para o jantar, pequenas e estilosas em qualquer espaço, ou em arranjos combinados no living.


05. Terrários

Terrários são simples, fáceis e elegantes de se cuidar, desde o pequeno ao grande todos são muito bonitos e causa um ar de natureza em sua casa ou apartamento, dando um tom vivo a todo o ambiente.


Essas foram algumas dicas de decoração para você que ainda “não” começou o ano ou pra você que quer revitalizar seu espaço e deixa-lo novo.

 

Fonte: Casa Claudia/Casa&Jardim

Último
05 dicas de decoração para sua casa.
fevereiro 22, 2017

Dizem que o ano do brasileiro só começa depois do carnaval, por isso aqui estão algumas dicas para revitalizar sua casa ou  apartamento e “começar” o ano de “casa nova”.


01. Tijolinhos

Os fãs desse revestimento podem comemorar, pois este ano ele continua sendo tendência na decoração. Um de seus pontos fortes é ser um ótimo aliado em espaços industriais e ainda trazer a sensação de aconchego ao ambiente. Outro ponto interessante é que eles deixam o lar com uma cara mais rústica.


02. Paredes de cortiça

A sustentabilidade está cada vez mais em alta nas tendências do décor. Além de naturais, as paredes de cortiça são práticas, adicionando cor e textura aos ambientes, enquanto permitem diversas composições e colaboram para o isolamento sonoro.


03. Verde

A cor verde foi eleita à cor do ano de 2017 (Já falamos sobre ela em outro post do blog). Ele tem aparecido com mais frequência nas passarelas e nos projetos de estúdios de design, dominando as paredes, os móveis e os acessórios em suas muitas nuancem.


04. Mesas de mármore

Uma ótima combinação de luxo e glamour, mesas de mármore sempre foram uma boa opção e esse ano veio para ficar – sejam grandes e chamativas para o jantar, pequenas e estilosas em qualquer espaço, ou em arranjos combinados no living.


05. Terrários

Terrários são simples, fáceis e elegantes de se cuidar, desde o pequeno ao grande todos são muito bonitos e causa um ar de natureza em sua casa ou apartamento, dando um tom vivo a todo o ambiente.


Essas foram algumas dicas de decoração para você que ainda “não” começou o ano ou pra você que quer revitalizar seu espaço e deixa-lo novo.

 

Fonte: Casa Claudia/Casa&Jardim

0
Horário de verão termina no sábado, não se esqueça de atrasar seu relógio em uma hora.
fevereiro 17, 2017

O horário de verão termina a 0h deste domingo (19), quando os relógios devem ser atrasados em uma hora em todos os Estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além do Distrito Federal.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, o foco do horário de verão é aproveitar melhor a luz solar durante esse período, principalmente nos horários de pico, além de conscientizar a população sobre o uso da energia e assim reduzir seu consumo, poupando gastos exagerados.

Crianças, idosos e os notívagos são os que mais sentem com a mudança do horário. Sonolência durante o dia, cansaço, irritabilidade, alterações de apetite e alteração no humor são alguns efeitos no organismo em decorrência da perda de uma hora de sono, mas a boa notícia é que geralmente depois de uma semana o corpo volte ao seu estado normal.

O Ministério de Minas e Energia planeja divulgar seu balanço sobre a economia de energia na próxima semana. Contudo, o planejamento inicial do ministério era economizar R$ 147,5 milhões com horário de verão, o que representa o custo evitado em usinas térmicas por questões de segurança elétrica e atendimento à ponta de carga durante esse período.

A Copel (sistema que opera a eletricidade no Paraná) diz que houve uma redução no uso de energia e que a média está em 4,5% na demanda de energia nos fins de tarde, retirando do sistema elétrico 200 megawatts (MW) de potência das 19h às 22 horas. Este respiro equivale a desligar, no horário de alto uso, uma cidade como Maringá, de 390 mil habitantes. Os outros Estados ainda não geraram um balanço final da economia de energia.

O horário de verão foi instituído pela primeira vez no Brasil no verão de 1931/1932, cuja duração foi de quase meio ano, vigorando de 3 de outubro de 1931 até 31 de março de 1932. Atualmente, a medida é empregada sempre a partir do terceiro domingo de outubro até o terceiro domingo de fevereiro do ano seguinte.

A alteração, que não vigora nos Estados do Norte e Nordeste, tem como objetivo evitar a sobrecarga no sistema elétrico entre o fim da tarde e o início da noite (das 18h às 21h), quando as pessoas chegam em casa e começam a usar aparelhos elétricos. A economia reflete o maior uso de iluminação natural neste período.

0
Com a Selic em queda fundos imobiliários devem ser favorecidos.
fevereiro 15, 2017

Os fundos imobiliários no final de 2016 demonstrou significativa recuperação em comparação ao resto do ano e no começo de 2017 as perspectivas é que só aumente o ganho de liquidez em meio de redução da taxa base de juros, Selic.

O Índice de Fundos Imobiliários (Ifix) - indicador do desempenho médio das cotações dos fundos na bolsa - subiu 32,3% em 2016 ante 5,4% em 2015. O resultado ficou próximo de alguns indicadores de renda variável, como o Índice Bovespa (Ibovespa), que subiu 38,9%, e o Índice Imobiliário (Imob), 32,7%.

Com os atuais cortes da Selic, que hoje se encontra em 13% ao ano, os fundos setoriais irão ganhar grande atratividade frente as aplicações de renda fixa. Assim espera-se que isso consiga atrair atenção de outros investidores, reaquecendo o mercado secundário, diz o coordenador de Avaliação e Consultoria da Colliers, Edoardo Dalla Fina. "Agora é uma boa hora de comprar, pois as cotas estão com preços baixos."

A consultoria Siila Brasil fez um levantamento com as cotas dos 16 fundos imobiliários com maior patrimônio no País e mostra que, em 2016, dez tiveram valorização acima da inflação no período medida pelo IPCA, de 6,3%. Em 2015, apenas três superaram a inflação.

"Uma queda na Selic reduz as despesas financeiras das empresas, ajuda a reaquecer a economia e aumenta a demanda de empresas e varejistas por espaços em escritórios, shoppings e galpões. Tudo isso ajudará a valorizar a cota dos fundos compostos por esses tipos de empreendimento", avalia o presidente da Siila, Giancarlo Nicastro.

Fonte: Estadão/SECOVIPR

0
Casas ecológicas e a cor Pantone 2017 (Greenery)
fevereiro 10, 2017

 

Viver em harmonia com a natureza é o sonho de muitas pessoas ao redor do mundo, ter a casa dos sonhos que não agrida o meio ambiente é o que se tem como planos para o futuro, o ano de 2017 está ai para provar que tudo isso está em alta.

A Pantone, empresa especialista em cores e grande influenciadora no mundo da moda, design, arquitetura, design de interiores, publicidade e fotografia; lança todo final de ano uma cor que regerá o ano seguinte, o de 2017 é verde Greenery, que como a própria empresa diz é a mistura do verde musgo com o amarelo intenso.

 

Com toda essa onda verde, os meios de construção tem se inovado e o tema da vez é o bambu, forte e flexível, o bambu resiste a grandes pressões e não agride o meio ambiente, ajudando na absorção do dióxido de carbono (CO2). A 100km de Bogotá na Colômbia, um escritório de arquitetura resolveu inovar e criar um bairro só com casas construídas com bambu. Sendo 96 lotes, áreas comuns, piscina, salão de jogos e outras comodidades, além de duas áreas de comercio.

Todos os fatores climáticos foram estudados para desenvolvimentos desse projeto, levando em consideração a posição do sol e o vento. As técnicas usadas para essa construção são antigas, mas a ideia é essa mesma, juntar o antigo com o novo e mostrar que o material é tão versátil quanto outros materiais.

E como a Pantone se encaixa nisso? Com a cor 2017 em vista, muito se vai ter pensado em formas sustentáveis de não poluir o planeta e assim projetar o futuro das próximas gerações, pode se parecer que sustentabilidade é um assunto batido, mas nunca é tarde para lembrar-se que tudo será para o futuro.

0
IPTU de Curitiba tem 1ª parcela no débito automático prorrogada.
fevereiro 8, 2017

Data passou do dia 20 para 24 de fevereiro. Situação é excepcional, segundo a Secretaria Municipal de Finanças.

A primeira parcela do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de Curitiba – para quem pagar por meio do débito automático – foi prorrogada para o dia 24 de fevereiro, conforme informou a prefeitura nesta sexta-feira (3). Até 2016, o pagamento ocorria no dia 20 de fevereiro.

A administração municipal alertou que a mudança exige atenção para que não seja feito pagamento duplicado. Segundo a Secretaria Municipal de Finanças, pode acontecer de o contribuinte verificar a falta do débito no dia 20 de fevereiro, como até então ocorria, e resolver pagar o boleto no caixa Porém, no dia 24, será realizado o débito.

Para as demais parcelas, as datas não mudaram. Eles devem ser pagas sempre no dia 15 de cada mês, até novembro.

A opção pelo débito automático deve ser feita pelo contribuinte diretamente com banco.

Motivo da troca

Houve a troca de data porque, de acordo com a prefeitura, o decreto regulamentador do pagamento do imposto, uma obrigação legal que deve ser publicada no exercício anterior à cobrança, deixou um espaço de tempo muito curto entre o pagamento à vista e os parcelados no débito automático.

O pagamento à vista do IPTU – que tem desconto de 6% sobre o valor do imposto – deve ser feito entre os dias 11 e 15 de fevereiro. Depois, a administração municipal precisa separar da base de contribuintes aqueles que já quitaram o imposto e enviar aos bancos a lista de quem optou pelo débito automático.

Então, segundo a prefeitura, os bancos solicitaram que se fosse feito com três dias de antecedência à data da cobrança. Portanto, a situação excepcional, como explicou a Secretaria Municipal de Finanças.

Fonte:  g1.globo.com / secovipr

0
Governo quer ampliar uso do FGTS para queimar estoques do Minha Casa, Minha Vida.
fevereiro 3, 2017

O governo federal esta preparando a faixa 4 do programa MCMV para famílias com renda mensal de até R$ 9 mil, hoje o limite de rende é de até  R$6,5 Mil.

Os beneficiários deste novo segmento poderão comprar imóveis de até R$ 300 mil, utilizando financiamento com recursos originados no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) a juros anuais de 9,16%. Essa taxa é maior do que nas outras faixas do MCMV, que chegam a 8,16% ao ano. Entretanto, é mais atrativa do que os valores cobrados pelos bancos fora do programa, que vão de 10% a 14% ao ano. Outra novidade será a correção nos limites de renda nas demais faixas do programa em cerca de 6,5%, visando acompanhar a inflação. Com isso, a renda mensal máxima das famílias para enquadramento na faixa 1,5 deve subir de R$ 2,3 mil para aproximadamente R$ 2,6 mil; na faixa 2 de R$ 3,6 mil para R$ 3,9 mil; e na faixa 3 de R$ 6,5 mil para R$ 7,0 mil.

O governo federal também subirá em 10% o preço máximo dos imóveis contratados pelo programa habitacional nas faixas 2 e 3. Dessa forma, os valores passarão de R$ 225 mil para R$ 250 mil nas regiões metropolitanas de São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal. A última alteração nas faixas de renda e preços dos imóveis do Minha Casa Minha Vida ocorreu em outubro de 2015, ainda durante o governo da ex-presidente Dilma Rousseff.

As reformas no MCMV atendem a reivindicações de empresários do setor da construção. Os representantes dos principais sindicatos e associações reclamam que os valores dos imóveis no programa estão defasados, o que inviabiliza a realização de novos projetos nas cidades onde os terrenos são mais valorizados, como nas regiões metropolitanas.

Além disso, a aceitação de mais famílias dentro do MCMV ajuda a aliviar a crise no mercado imobiliário. Fora do programa, o financiamento para compra de moradias é mais caro, o que se tornou um dos principais responsáveis por esfriar as vendas de casas e apartamentos, bem como gerar distrato.

Estoques

O governo federal ainda estuda dar um empurrão nas vendas dos estoques das incorporadoras. Para isso, cogita aumentar o valor máximo dos imóveis que podem ser financiados com recursos do FGTS no mercado. O limite atual de R$ 950 mil, válido para São Paulo, Rio e Brasília, pode ir para um patamar entre R$ 1,2 milhão ou R$ 1,5 milhão.

Essa medida, porém, seria restrita para a compra de imóveis prontos no estoque das incorporadoras. Portanto, não incluiria unidades usadas, nas mãos de pessoas físicas. Além disso, permaneceria válida até serem liberados R$ 500 milhões do fundo. Depois disso, voltaria a valer o teto anterior, de R$ 950 mil.

Fonte: Gazeta do Povo.

0
12345 Último
Siga a Jamaica Imóveis nas Redes Sociais

«fevereiro de 2017»
segterquaquisexsábdom
303112345
6789101112
13141516171819
20212223242526
272812345
6789101112
NOTÍCIAS DA GAZETA DO POVO
IMÓVEIS
Com a Selic em queda fundos imobiliários devem ser favorecidos.
fevereiro 15, 2017
123
ECONOMIA
Com um trabalhador na ativa para cada aposentado, rombo na Previdência chega a R$ 316,5 bilhões
fevereiro 24, 2017
Déficit das contas da Previdência da União e dos estados cresceu 44,5% em 2016 e só não foi pior porque os municípios apresentaram superávit
12345 Último
INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL
Golpe que promete mudar cor do WhatsApp faz 1 milhão de vítimas no Brasil
janeiro 18, 2017
TECNOLOGIA
Pressão pelo casamento torna sites de namoradas de aluguel negócio rentável na China
janeiro 30, 2017
Diária do parceiro temporário pode custar R$ 460 por dia
EMPREENDER
Empresas têm até o fim do mês para aderir ao Simples Nacional
janeiro 27, 2017
Pequenos negócios que foram excluídos do regime em dezembro podem fazer a solicitação se parcelarem os débitos em aberto
sikis izle ankara escort escort bayan escort ankara sex
ankara escort istanbul escort porno izle
nigde evden eve nakliyat